4 de nov de 2013

Oito morrem e 9 ficam feridos em acidente aéreo na Bolívia.

Explosão ocorreu durante aterrissagem do avião na província de Beni.
Segundo ex-governador três funcionários do governo local morreram.



Pelo menos oito pessoas morreram e nove ficaram feridas em um acidente aéreo na Bolívia. Um avião da empresa Aerocon teve problemas durante a aterrissagem e explodiu próximo à pista do aeroporto de Riberalta (1 mil km da capital La Paz), no departamento de Beni, segundo o jornal boliviano 'La Razón'.

O acidente aconteceu por volta das 16h no horário local (18h no horário de Brasília) durante o trajeto da aeronave que ia de Trinidad até Riberalta. Entre os mortos estão três funcionários do governo de Beni, segundo declaração do ex-governador Ernesto Suárez em sua conta no Twitter.

“Pedi uma profunda investigação”, afirmou o presidente boliviano Evo Moraels após o acidente em entrevista divulgada no site oficial da Presidência.

Segundo o jornal 'La Razón', imagens de televisão mostram que dezenas de pessoas trabalharam no resgate dos corpos das vítimas e dos feridos, como no combate ao incêndio produzido após a explosão do avião.


FONTE: 

22 de out de 2013

Prova física de aprovados em processo seletivo de guarda-vidas é nesta segunda

Aprovados no processo seletivo de guarda-vidas, em Itanhaém, devem se apresentar nesta segunda-feira para a realização da prova de habilidades técnicas. Esta etapa será no Complexo Educacional Harry Forssell, na Avenida Rui Barbosa, s/nº, às 8h30.

Para realização do exame, o candidato deverá apresentar atestado médico emitido no período mínimo de 45 dias. As provas eliminatórias serão: flutuar por oito minutos; nadar submerso por 25 metros; e nadar 200 metros em estilo Nado Crawl. O candidato deverá estar trajando vestimenta adequada para a prática desportiva, ou seja, maio ou sunga nas provas em meio aquático.

É necessário estar atento às normas e os procedimentos para a realização das provas, estabelecidos nos editais do processo seletivos, que podem ser encontrados no link.

No total são cinco vagas abertas, para contratação por tempo determinado, com carga horária de 40 horas e salário de R$ 1.248,00.

Inscrições em outras cidades

Em Mongaguá, interessados em atuar como guarda-vidas têm entre os dias 21 e 23 para se inscrever no processo seletivo. A seleção será realizada pela Administração Municipal em conjunto com o Corpo de Bombeiros. São oferecidas 30 vagas no Município.

As inscrições deverão ser realizadas no Posto do Corpo de Bombeiros (Avenida Governador Mário Covas Júnior, 4.001, Vera Cruz), das 8 às 18h. Para concorrer a uma das vagas, o candidato deve ter 18 anos completos, Ensino Fundamental completo (1º grau); certificado de conclusão do curso de guarda vidas ministrado pelo Corpo de Bombeiros, não ter antecedentes criminais e, no caso de candidato do sexo masculino, estar quites com o Serviço Militar.

Na Cidade, o processo seletivo terá duas etapas. A primeira será realizada no dia 30 de outubro, às 9 horas, no Posto do Corpo de Bombeiros. Os candidatos serão submetidos a teste de natação (200 metros em seis minutos) e corrida (1.500 metros em sete minutos). Os testes físicos têm caráter eliminatório. A classificação garante vaga no curso de formação de guarda vidas, que será realizado de 4 a 22 de novembro.

O conteúdo programático do curso inclui: teoria do serviço de guarda vidas; prevenção e salvamento aquático; técnicas básicas de recuperação de afogados e educação física aplicada. Após a conclusão do curso, os candidatos passarão por provas de educação física, salvamento com nadadeira e flutuador e técnicas básicas de recuperação de afogados.

O contrato de trabalho é temporário (de 12 de dezembro de 2013 a 11 de março de 2014). A carga horária é de 44 horas semanais, com salário de R$ 1.200,00.

Em Praia Grande, interessados em se candidatar a uma das 45 vagas para auxiliares de guarda-vidas temporários têm até o próximo dia 8 de novembro para se inscrever no processo seletivo. O cadastro deve ser feito no Subgrupamento de Bombeiros Marítimos (Rua Gilberto Fouad Beck, 110, Bairro Maracanã), das 8h às 18 horas. O salário bruto mensal será de R$ 1.356,00.

De acordo com a Administração Municipal, para participar, o candidato deve ter Ensino Fundamental Completo; ser brasileiro nato ou naturalizado, ou se for estrangeiro, estar em dia com as obrigações perante a Receita Federal; idade mínima de 18 anos (até a data de encerramento das inscrições); estar quite com as obrigações do Serviço Militar (no caso do sexo masculino); estar em dia com as obrigações eleitorais; ter capacidade física e mental para o exercício das atribuições; e não possuir qualquer tipo de antecedentes e/ou registro criminal.

O processo seletivo será realizado em duas etapas. As provas da primeira serão realizadas no dia 13 de novembro, às 8 horas, na Piscina Municipal ao lado do 2º Subgrupamento de Bombeiros Marítimos, onde os candidatos serão submetidos a testes de natação. Já a segunda ocorre no mesmo dia, às 11 horas, na praia, em frente ao Posto de Bombeiros Marítimos de Praia Grande, em direção à Rua Gilberto Fouad Beck, no Bairro Maracanã, onde acontecem os testes físicos de corrida.

A Prefeitura esclarece que os candidatos também terão que participar do curso de Formação de Auxiliar de Guarda-Vidas Temporário. As aulas ocorrem de 18 de novembro a 6 de dezembro. No término, os concorrentes farão ainda provas práticas, onde as condições do mar sejam propícias à realização dos exercícios propostos, dias 4 e 5 de dezembro, com início às 8 horas.

Os auxiliares de guarda-vidas temporários serão contratados por três meses, tendo início em 11 de dezembro a 10 de março do ano que vem.

2 de set de 2013


O Corpo de Bombeiros “Salvamar Paulista”, em São Sebastião, está realizando o cadastro de pessoas de ambos os sexos interessadas em atuar como GVT (Guarda-Vidas Temporário) 2013/2014 nas praias de São Sebastião.

Segundo o tenente Newton Krÿger, do Posto Marítimo em Maresias, além da Prefeitura, o Governo Estadual também contratará profissionais sob a denominação de GVTD (Guarda-Vidas por Tempo Determinado) para auxiliar o efetivo da corporação no município, que continua sendo de 30 homens.

Após a divulgação dos editais, o Salvamar entrará em contato com quem efetuou o cadastro para que faça a inscrição e, consequentemente, participe do curso e exames práticos necessários antes da contratação.

Para ser contratado, o interessado (a) deve ser maior de 18 anos; ter o ensino médio completo; estar em dia com as obrigações eleitorais e, no caso masculino, com a situação militar regular, além de ser aprovado no exame de investigação social.

De acordo com estimativa da Corporação, o mínimo ideal para que o município seja atendido de maneira eficaz é de 70 profissionais. “Este é um número racionalizado”, enfatizou o tenente.

Os interessados no cadastro devem ligar para o telefone (12) 3865-6700 ou se dirigir ao Posto de Bombeiros Marítimos, situado ao lado da Praça Internacional de Surf, em Maresias, na Costa Sul.

Fonte:
 

22 de jun de 2013

Bombeiros capacitam guarda-vidas que atuam na interior e na capital

Bombeiros capacitam guarda-vidas que atuam no interior e na capital

Profissionais realizam treinamento com botes infláveis e motos aquáticas

O Corpo de Bombeiros realiza o 3º Curso de Operador de Embarcações de Resgate (COER) até o mês de agosto. O objetivo é preparar militares guarda-vidas a utilizar recursos de apoio para salvamentos no mar como botes e motos aquáticas (jet skis).

38 bombeiros do interior, da Região Metropolitana e da capital participam da capacitação coordenada pelo 2º Grupamento Marítimo (2º GMAR), da Barra da Tijuca, unidade que é referência em termos de doutrina de salvamento aquático no estado.

Após a formatura, os bombeiros farão um estágio itinerante nas praias das cidades contempladas pela capacitação. Participam diariamente desta edição do curso profissionais de Saquarema, Macaé, Campos, Cabo Frio, Niterói e Rio de Janeiro.

Os alunos começaram, na quarta-feira (19 de junho), o treinamento prático com o uso de botes infláveis na praia da Barra da Tijuca. Um boneco com peso de 80 quilos foi utilizado para dar mais realidade às simulações de salvamento. O curso começou no mês de maio. Em julho, os bombeiros vão realizar simulações de resgate com o uso de motos aquáticas.

A capacitação - De acordo com o subcomandante administrativo do grupamento e coordenador do curso do Corpo de Bombeiros, major Fernando Melo, a capacitação aborda temas como manobras de atracação, transposição de arrebentação, treinamento com vítima, além de checagem de pré-operação e operação dos equipamentos e ações de prevenção.

Segundo o major, os botes infláveis são indicados para salvamentos quando o mar tem ondas menores e há muitas pessoas frequentando as praias. Já os jet skis, por ter um tempo resposta maior do que o do bote, são usados prioritariamente quando o mar tem grandes ondas.

“Estamos usando toda a tecnologia possível para apoiar os guarda-vidas no Estado do Rio. Hoje, temos os botes infláveis de resgate e as motos aquáticas. Os dois têm basicamente a mesma função, mas são usados em situações distintas e um dos objetivos do curso é ensinar o operador a utilizar estas máquinas”, disse o major.
Para o aluno Roniê Alexandre de Oliveira, o curso tem sido proveitoso. O militar atua na praia de Copacabana.

“As embarcações nos apoiam bastante. O grupamento de Copacabana já atua com motos aquáticas e botes. Me surpreendi com o curso, porque ele é bem completo. Aprendemos sobre as máquinas, tudo o que engloba uma operação de resgate”, afirmou o bombeiro.

30 de abr de 2013

Número de mortes e afogamentos diminui nas praias do litoral de SP

Operação Praia Segura aconteceu entre
 dezembro e março de 2013.

Guarda-Vidas em uma das praias do litoral de São Paulo

O número de afogamentos e mortes por afogamento, no litoral de São Paulo, diminuiu durante a Operação Praia Segura 2012/2013. Em relação a 2012, houve uma redução de 26% de afogamentos. Além disso, todas as crianças perdidas foram encontradas. A Operação Praia Segura, desencadeada pelo Corpo de Bombeiros, por meio do Grupamento de Bombeiros Marítimo (GBMar), foi iniciada no dia 21 de dezembro de 2012 e encerrada em 31 de março de 2013.

Durante esse período foram realizados 1.929 salvamentos, contra os 2.312 do ano passado. Também foram registradas menos mortes em relação a operação anterior, uma redução de 26%. Houve 37 mortes neste ano e 50 em 2012. Em relação a 2011, houve uma redução ainda mais significativa de 60%. Todas as 563 crianças que ficaram perdidas foram encontradas. Houve também 56.144 ações de prevenção. Além disso, os bombeiros distribuíram 600 mil pulseiras de identificação às crianças nas praias, além de 500 mil folders com dicas de segurança nas praias.

Durante esses meses, o esforço foi do Corpo de Bombeiros, das Prefeituras Municipais de 14 cidades do litoral e empresas socialmente responsáveis. Houve a contratação de mão de obra temporária para atuar juntamente com o Corpo de Bombeiros na proteção a banhistas nas praias de todo o litoral. A operação contou, pela primeira vez, com a contratação de 607 guarda-vidas por tempo determinado pelo estado. A operação contou com 1.525 guarda vidas oferecendo proteção nos mais de 600 km de costa do Estado de São Paulo, o que representa cerca de 314 praias.